quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Fome de Bola


A imprensa do Piauí (claro, há quem escape) potencializa os sintomas de quem sofre de tédio. Meu médico já me proibiu. Mas eu insisto. Hoje, fui premiado pela minha perseverança. Quando já ia me contentando com qualquer coisa, do tipo: ver mais um capítulo do PMDB ensaiando um novo adultério político, eis que vejo o blog Na Esportiva, do amigo Fábio Lima. E pensei: a gente tem jeito sim. Ver o Cabeça de volta às letras esportivas é mais que gratificante. Ele, que ama o gênero, foi mais um desgarrado pela pobreza piauiense neste setor. E digo: demorou a ir-se. Eu fui na primeira vez que vi um colega radialista implorar um sanduíche ao Ronaldo Buccar, ex-goleiro e ex-presidente do Esporte Clube Flamengo. Ronaldo tentava driblá-lo pelos corredores do Albertão, mas o famélico não desistia. Implorava por um naco de pão. Aquilo me deu náusea. Lembrei de Antônio Carlos Magalhães, que disse certa vez, sobre jornalistas: o maior erro é oferecer dinheiro a quem quer informação e oferecer informação a quem quer dinheiro. Aqui, pra nós, - eu pensei - oferecendo comida tudo se resolve.

4 comentários:

katya disse...

Meu Deus! A coisa só muda de lugar, tamanho e tipo. Assim do primeiro caderno para o segundo, de sanduíche para alomoço no Comidas Típicas, mas a miséria é a mesma...Se é que você me entende...E eu ainda insisto!!!

Hérlon Moraes disse...

Passando por aqui pra te dar os parabéns pelo blog. Muito bom mesmo. Sucesso RF, você merece!!!

Calmaria disse...

pois bem...este é apenas um fato entre tanto, né raimundo, que a gente via e continua vendo no jornalismo esportivo que é praticado aki no Piauí.
nestas férias estive bem perto do jornalismo esportivo de São Paulo...e...nem te conto...dá é vontade de sorrir...
estamos longe, amigo!
Bem longe...
E o que posso citar é a generosidade, simplicidade e profissionalismo do fotógrafo esportivo Wander Roberto...ele é do COB, do São PAulo, Copa do Mundo, Olimpíada e etc e tal...
Botar banca pra ir ao jogo...kkkkk...vc sabe do que estou falando...jamais....
Profissionalismo é o que falta amigo!
Temos que sobreviver a isto, viu!
E parabéns mesmo pro Fábio...

Erica

hercules disse...

Meu amigo, acho que você mata a cobra e... mostra a bichinha morta, como diria Lula em recente convescote ecológico. Em diversas conversas tivemos a oportunidade de falar sobre o que é dignidade e o que é ser jornalista de verdade. Você é as duas coisas. Abraços.

PS. Muita gente de fama na mídia local deve morder as nádegas quando lê coisas assim. Azar deles!